quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Parem de ser bonit@s

É tanta beleza junta que até mete nojo.
Desde que tenho blog e que ando a espreitar os das outras pessoas que encontro sempre fotografias lindas e incríveis. Algumas com filtros, outras a preto e branco, outras ainda com uma luz de sonho, e por aí adiante. Pergunto-me sempre se as pessoas nas fotos são os donos/donas dos blogs. Fico a achar que sim, mas como ingenuidade é o meu nome do meio, penso duas vezes. 
"Naaaa, provavelmente são fotos aleatórias tiradas da internet. Ou talvez não. Talvez sejam os próprios com um make-up do Photoshop".

Elas são fotos muito sentimentais à janela com uma cortina branca que bate levemente com o vento, são no carro com o cabelo a esvoaçar num dia amarelo de verão, são em contra-luz com o sol acompanhadas de uma frase muito profunda, são no alto da montanha com a impetuosidade de um Deus, na cama com os lençóis mais branquinhos que os dos anúncios do Skip, nas ruas da cidade num dia de chuva que até consegue parecer fantástica debaixo dum maravilhoso guarda-chuva.....esta gente até na casa-de-banho consegue ser bonita e maravilhosa, sem um cabelo fora do sítio e sem uma única olheira. Eu até acho que se se fossem meter numa adega de uma quinta com pocilga, rodeadas de chouriços e alheiras com estrume por todo o lado essa gente continuava a conseguir ser de morrer.

Mas se eles conseguem, eu também consigo! Sim, porque o Pipe é uma Maria Piça. Tudo o que vê cobiça.
Vou tirar uma fotografia tão sentimental, tão profunda, maravilhosa e perfeita que até Nossa Senhora de Fátima vai cair do altar.



Ou então não.

Digam de vossa justiça. Onde vão buscar essa perfeição? Onde se vende? É na Oriflame? É no Lidl? É algum brinde que vem nos iogurtes da Adagio ou nas revistas da Maria? Ou são aqueles shampôos que vocês roubam dos hotéis? É alguma receita que dão no programa das manhãs da Júlia?
Não me digam. Eu já não tenho interesse em saber. Afinal, quem é que precisa de perfeição? Isso é uma utopia. Vamos ficar pelo pensamento medíocre de um underdog e contentar-nos com o que temos...só para me sentir melhorzinho.

Portanto, peço desculpa, mas este blog vai continuar imperfeito. Com umas fotos mesmo catrafonas e bardajonas. Juntem-se a mim nesta guerra contra pessoas lindas (se na rua passarem por algum ser desta espécie façam-lhe aquela coisa com a língua como as cobras, psssssssss). Vamos todos dar as mãos e ser camafeus medíocres.

21 comentários:

  1. Não acreditas mesmo que são fotos pessoais, pois não?
    Gostava que me explicassem (já fiz um post sobre isto), o que leva as gajas a meterem fotos de modelos e atrizes no perfil.
    Opá, se não querem/podem meter fotos vossas, metam uma flor, um objeto que se identifique com o blog, mas deixem de adoçar a boca ao pessoal, que um dia a gente encontra-se no Metro e não cabemos os dois no mesmo banco. ahahahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahahah, muito bom comentário.

      Claro que não acredito. Estamos em Portugal (com esta estou a ser tão mauzinho).

      Eliminar
    2. QUE MAU JS nunca pensei ler isso de ti!

      Eliminar
    3. E Pipe tb! Tb há mulheres bonitas em Portugal (e sim, tirando modelos e apresentadoras)

      Eliminar
    4. Claro que há. Eu estava a brincar, simplesmente não podia deixar escapar esta piada (que não teve piada).

      Eliminar
  2. A minha meia foto é mesmo minha. Se é bonita? Vou pensar que sim :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É bonita, sim senhora. Podes trazer a outra metade.

      Eliminar
  3. É claro que a pessoa da minha foto sou mesmo eu, acho que é mais que evidente... nah.
    Eu utilizo as fotos que utilizo no meu blog porque:
    - sendo um blog anónimo, não poderia usar fotos minhas;
    - não tenho problema nenhum em utilizar fotos de flores ou outros objectos se gostar delas;
    - eu sou apaixonada por fotografia e por moda, por isso a fotografia de moda é algo que me apaixona. Uma vez que escolho as fotos mais bonitas que encontro para o meu blog, muitas delas acabam por ser de moda ou com modelos porque pertencem a sites que visito regularmente.
    Agora deixa de ser queixinhas e aproveita para nos imaginar a todas como supermodelos porque a realidade pode não ser assim tão bela :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ha ha, calma lá. Eu compreendo que quem quer manter-se anónimo não pode ter fotos pessoais. Agenteee só quer ver carinhas larocas.

      E não levem a sério o que eu escrevo, eu não consigo ser sério.

      Eliminar
  4. ahaha que personagem tu xD No meu blog não há fotos minhas, é anónimo |:

    ResponderEliminar
  5. Conheço tão bem esse pensamento. Mas o problema agrava-se quando, mesmo na rua, no dia-a-dia, no meio da normalidade não virtual, se vê gente que nos faz pensar o mesmo. Pele imaculada, cabelos perfeitos, olheiras inexistentes... Pior ainda quando uma análise cuidada revela falta de qualquer tipo de maquilhagem...
    E eu aqui, que às vezes ando o dia todo com cara de quem saiu da cama há dois minutos e que a noite foi longa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que preferia não compreender, do alto da minha beleza imaculada :P

      Eliminar
    2. Realmente Rui, tem mulheres que andam na rua parecendo que sairam de uma fábrica de Barbies humanas. Eu não sou tão vaidosa a esse ponto, não consigo pegar o costume desse ritual que elas fazem todo santo dia pra ficarem impecáveis, perda de tempo

      Eliminar
    3. O problema, Camila, é mais aquelas pessoas que são autênticos modelos mesmo sem precisarem de ter esses rituais. Há pessoas naturalmente bonitas e nós, os normais, temos que aprender a viver com isso :P

      Eliminar
    4. Vá, admitamos que todos nós somos bonitos à nossa maneira.

      Eliminar
    5. Desculpas de gente feia!
      (estou a brincar, concordo plenamente contigo!)

      Eliminar
  6. Eita, a minha foto, tirando os olhos, pelo menos sou eu alí. hahauhhahua

    ResponderEliminar
  7. No meu nao ha,mas conheço poucos blogs com fotografias pessoais.

    ResponderEliminar